controlar seu sistema de logística reversa

Para controlar seu sistema de logística reversa a empresa pode utilizar algumas alternativas, como softwares de gestão de resíduos. A logística reversa é um instrumento que tem a função de gerenciar e operacionalizar o retorno de alguns resíduos de impacto ambiental após a venda e consumo de bens materiais aos fabricantes.

Por meio do software de gestão da VG Resíduos a sua organização consegue mapear, gerar relatórios e manter-se informado sobre os resultados de logística reversa. Confira!

Logística Reversa

controlar seu sistema de logística reversa

A logística reversa é uma exigência da Política Nacional de Resíduos Sólidos. Mediante isso, as empresas devem seguir uma serie de medidas para aplicar o sistema no gerenciamento de resíduos.

Apesar da logística reversa já ser uma lei devidamente regulamentada, desde 2017, pelo decreto nº 9177, muitas empresas ainda não possuem um sistema de logística reversa estruturada. Esta negligência tem gerado significativas situações de ameaça ao meio ambiente. Além de trazer várias sanções pelo o seu não cumprimento.

Na maioria dos casos a logística reversa tem sido realizada por meio de acordos setoriais. Esses acordos são firmados entre o poder público e fabricantes, importadores, distribuidores ou comerciantes.

Em 2012, foi assinado um acordo de logística reversa com o setor de embalagens plásticas de óleos lubrificantes. Para implantar o sistema nos setores de lâmpadas e embalagens em geral, o governo assinou acordos em 2015. 

Outros acordos setoriais para implantação da logística reversa nos setores das cadeias produtivas de embalagens e resíduos de medicamentos, produtos e componentes eletrônicos estão sendo estudados.

Em São Paulo, a Companhia Ambiental do Estado de São Paulo (CETESB) regulamentou que a partir de outubro de 2018 para as organizações obterem a licença ambiental terão a obrigatoriedade de implantaram o sistema de logística reversa. Com essa decisão fica determinada a responsabilidade da empresa apresentar um plano de coleta dos resíduos resultante de seus produtos ou embalagens e qual foi à destinação dada a esse resíduo.

Diante dessas obrigações é mais que necessário controlar o seu sistema de logística reversa, principalmente se a organização se enquadra no setor que é obrigado a ter um sistema estruturado e monitorado.

Como controlar seu sistema de logística reversa?

controlar seu sistema de logística reversa

As empresas que possuem um excelente sistema de monitoramento e gerenciamento do resíduo, como a VG Resíduos, têm conseguindo uma grande vantagem competitiva sobre as que não possuem.

Ao controlar o seu sistema de logística reversa a organização diminui os custos e melhorar todo o processo. Isso porque, ao implantar o software da VG Resíduos há a possibilidade de obter informações a qualquer momento sobre os resíduos. Desta forma, cria-se uma maneira de monitoramento da logística reversa, conforme a legislação exige.

O software VG Resíduos pode auxiliar sua gestão de resíduos na implantação do sistema de Logística Reversa. Por meio dele é possível mapear, gerar relatórios e manter-se informado sobre seus resultados de logística reversa. Assim sendo, é garantida a assertividade, principalmente, ao reportar-se ao governo – que realiza o acompanhamento e auditorias sobre as metas e resoluções estabelecidas, a fim de evitar sanções.

O software pode funcionar online, desktop e móbile. O usuário informa a quantidade de resíduos gerados e a data. Também informa quem realizará o transporte e qual o tipo de tratamento será dado. Além de outras informações importantes sobre os resíduos, como sua classificação. Dessa forma, automaticamente são gerados os documentos obrigatórios para os órgãos ambientais.

A sua empresa é obrigada a ter um sistema de logística reversa?

controlar seu sistema de logística reversa

Devem possuir um sistema de logística reversa os fabricantes, importadores, distribuidores e comerciantes de:

  • pilhas e baterias – 90% das baterias automotivas devem ser recolhidos pelos fabricantes após descartado pelos consumidores;

Como cumprir a lei sobre logística reversa?

controlar seu sistema de logística reversa

Se não implantar e controlar o seu sistema de logística reversa as organizações sofrem punições graves.

Essas sanções podem causar sérios prejuízos, como: prejuízos financeiros e o desgaste da imagem da empresa perante aos clientes.

A empresa que não adotar o sistema de logística reversa não vai conseguir renovar sua licença ambiental ou obter o novo documento.

O descumprimento da regulamentação deixa a organização sujeita às penalidades previstas na legislação ambiental. Como a suspensão das licenças de operação e, consequentemente, a interrupção das atividades, advertência, multa e embargo.

Para evitar essas sanções a empresa deve implantar u sistema de logística reversa que funcione da seguinte forma:

1) Consumidores levam os resíduos ao posto de coleta indicado pelo comerciante do produto;

2) O material coletado e encaminhado pelos comerciantes aos distribuidores ou importadores;

3) Os resíduos são entregues aos fabricantes;

4) Após serem entregues aos fabricantes, os resíduos são encaminhados a destinação mais apropriada. Podem ser enviados para reutilização, reciclagem, tratamento e descarte final.

A logística reversa pode ocorrer em dois momentos, no pós-venda ou pós-consumo. A logística reversa pós-venda se dá quando parte dos materiais são devolvidos antes mesmo de chegar ao consumidor. Os motivos para tal pode ser inúmeras, como danificação do produto. No estágio pós-consumo os resíduos são descartados porque o prazo de validade expirou ou por terem chegado ao fim de sua vida útil.

Saiba as cinco dicas para instituir a logística reversa de lâmpadas fluorescentes.

Sendo assim, o software de gestão de resíduos é a melhor ferramenta para controlar seu sistema de logística reversa. Através deles a sua organização consegue mapear, gerar relatórios e manter-se informado sobre os resultados de logística reversa.

Gostou desse assunto ou acha ele relevante? Compartilhe nas redes sociais ou deixe seu comentário abaixo.

Mas quer se aprofundar um pouco mais a respeito? Leia outro artigo do nosso blog: Quais os tipos de logística reversa mais praticados no Brasil?

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *